Sinalização de Combate a Incêndio: Guia Completo!

sinalização de segurança
Sinalização de Segurança: Guia completo sobre normas e práticas
09/08/2023
sinalização interna de empresas
Sinalização interna de Empresas: Tudo Que Você Precisa Saber
23/08/2023
Mostrar tudo

Sinalização de Combate a Incêndio: Guia Completo!

sinalização de combate a incêndio

Em qualquer estabelecimento, seja ele comercial, industrial ou residencial, a segurança deve ser uma prioridade. E quando se fala em segurança, um aspecto crucial que muitas vezes é negligenciado ou subestimado é a sinalização de combate a incêndio.

Essas sinalizações não são meros detalhes ou itens burocráticos: elas podem ser a diferença entre uma evacuação bem-sucedida e uma tragédia. Ao longo deste artigo, abordaremos o que é essa sinalização, sua importância, os diferentes tipos e como escolher a opção adequada para cada ambiente, seguindo normas e regulamentações.

Independentemente de sua experiência ou conhecimento no assunto, esta leitura lhe proporcionará uma visão ampla e detalhada sobre a essencialidade da sinalização em situações de incêndio.

O que é sinalização de incêndio?

sinalização de combate a incêndio

A sinalização de combate a incêndio é um conjunto de símbolos, placas e indicações estrategicamente posicionadas em um estabelecimento com o objetivo de orientar e informar as pessoas sobre rotas de fuga, localização de equipamentos de segurança e procedimentos a serem seguidos em caso de emergência.

Essas sinalizações são projetadas para serem claramente visíveis e compreensíveis, mesmo em condições adversas, como ambientes com muita fumaça.

Mas não pense que essa sinalização serve apenas para indicar saídas. Ela também informa sobre pontos de encontro seguros, restrições específicas (como áreas onde é proibido fumar), localização de extintores, hidrantes e outros equipamentos essenciais no combate às chamas.

Qual a importância da sinalização de incêndio?

A sinalização de combate a incêndio desempenha um papel crucial em garantir a segurança das pessoas e a integridade de um estabelecimento. Em situações de emergência, onde cada segundo é valioso, a presença de sinalizações claras e bem posicionadas pode fazer a diferença entre uma evacuação bem-sucedida e um cenário de pânico e confusão.

Aqui estão alguns pontos que destacam sua importância:

  • Orientação Clara em Situações de Stress: Em meio ao caos de um incêndio, a fumaça densa e o pânico podem desorientar as pessoas. Uma sinalização visível e compreensível indica rapidamente para onde ir e quais ações tomar.
  • Redução do Risco de Lesões: Ao identificar claramente as rotas de fuga e os obstáculos, a sinalização de combate a incêndio ajuda a evitar que pessoas se machuquem durante a evacuação.
  • Facilitação do Trabalho dos Profissionais de Resgate: Em um incidente, bombeiros e equipes de resgate precisam acessar rapidamente equipamentos como hidrantes e extintores. A sinalização adequada assegura que esses profissionais localizem imediatamente o que precisam.
  • Atendimento a Regulamentações Legais: Além de ser uma questão de segurança, a sinalização adequada é, em muitos lugares, uma exigência legal. Cumprir essas normas evita penalidades e garante que o estabelecimento esteja preparado para emergências.
  • Transmissão de Responsabilidade e Profissionalismo: Para clientes, funcionários e parceiros, um estabelecimento que investe em sinalização de combate a incêndio adequada transmite uma imagem de responsabilidade, cuidado e profissionalismo.

Concluindo, a sinalização não é apenas um detalhe: ela é uma ferramenta essencial para garantir a segurança e o bem-estar de todos em um ambiente, além de refletir a seriedade e comprometimento da gestão com as boas práticas e regulamentações.

Quais os 4 tipos de meios de sinalização incêndio?

Veja nosso infográfico a seguir:

sinalização de combate a incêndio

Quais os tipos de sinalização de combate e prevenção contra incêndio?

A sinalização de combate a incêndio é mais do que um complemento em um estabelecimento comercial; ela é essencial. Conforme as normas internacionais e as Instruções Técnicas dos Corpos de Bombeiros dos estados brasileiros, a sinalização de prevenção e combate a incêndio é categorizada em cinco tipos principais.

Respeitar e implementar corretamente cada tipo de sinalização conforme as normas NBR 16820:2020 da ABNT é crucial para garantir a eficiência e eficácia deste sistema de segurança.

Vamos entender cada uma dessas categorias:

Sinalização de Alerta e Proibição

Esta sinalização tem como principal função alertar sobre riscos e proibir ações que possam ser perigosas em determinadas áreas. Por exemplo, placas que indicam a proibição de fumar em ambientes onde há materiais inflamáveis.

sinalização de combate a incêndio

Sinalização de Orientação e Salvamento

Essencial em situações de emergência, esta sinalização guia as pessoas para saídas de emergência, rotas de fuga e locais seguros. Ela também pode indicar pontos de encontro após uma evacuação.

Sinalização de Prevenção e Combate a Incêndio

As placas de orientação e salvamento devem obrigatoriamente ser confeccionadas em material fotoluminescente para atender as normas. A base do material não deverá propagar chamas, nem fumaça tóxica.

Sinalização de Equipamentos de Combate a Incêndio e Alarme

Identifica e indica a localização de equipamentos como extintores, hidrantes e sistemas de alarme. Facilita o acesso rápido em caso de necessidade, tanto para os ocupantes do estabelecimento quanto para os profissionais de resgate.

sinalização de combate a incêndio

A placa fotoluminescente de sinalização para equipamentos de combate a incêndio e alarme integra o conjunto de sinalização básica, de acordo com a norma brasileira ABNT NBR 16820:2020 e diversas legislações estaduais. Deve ser instalada a uma altura mínima de 1,8m e imediatamente acima do equipamento.

Sinalização Complementar

Mensagem escrita de acordo com os sistemas de proteção contra incêndio existentes na edificação.
O tipo de estrutura e os telefones de emergência da localidade.

sinalização de combate a incêndio

Indicação continuada de Rotas de Fuga

Esta sinalização é usada para garantir que as rotas de fuga sejam claramente identificadas e contínuas, evitando pontos de confusão ou hesitação durante uma evacuação.

sinalização de combate a incêndio

Indicação de Obstáculos

Destina-se a sinalizar obstáculos ou perigos presentes nas rotas de fuga, como degraus, paredes ou outras barreiras, que podem representar riscos durante a evacuação.

sinalização de combate a incêndio

Os tamanhos padrões dessas sinalizações são definidos com base nas distâncias de visualização, conforme o projeto aprovado pelo corpo de bombeiros. Garantir a correta aplicação e dimensionamento dessas sinalizações é fundamental para que sua função seja efetivamente cumprida e a segurança seja garantida.

Qual o tipo de sinalização deve ser utilizado em caso de incêndios?

Uma eficiente sinalização de combate a incêndio é primordial para garantir que, em situações de emergência, as pessoas saibam exatamente para onde ir e como proceder. A correta escolha e posicionamento dessas sinalizações podem ser a diferença entre um desfecho seguro e um cenário trágico.

Existem diversos tipos de sinalizações específicas para situações de incêndio, e sua seleção depende do tipo de edificação, fluxo de pessoas e características específicas do local. Entre as sinalizações mais comuns, destacamos:

  • Placa de Alarme de Incêndio Sonoro: Indica a localização do dispositivo que emite um alerta sonoro quando acionado, chamando a atenção para uma situação de emergência.
  • Placa de Saída com Seta Direita ou Esquerda: Direciona as pessoas para a saída mais próxima, dependendo da configuração da edificação. A clareza nessa sinalização é essencial para evitar confusões durante uma evacuação.
  • Placa de Indicação de Andar: Facilita a orientação dentro de edifícios com múltiplos andares, permitindo que os ocupantes e equipes de resgate saibam exatamente em que nível estão.
  • Placa Ponto de Encontro de Brigada: Sinaliza o local onde os membros da brigada de incêndio devem se reunir em caso de emergência, garantindo uma ação coordenada e eficaz.

A escolha da sinalização de combate a incêndio adequada é vital para otimizar a resposta a emergências. Por isso, é importante contar com uma variedade de sinalizações, considerando as especificidades do seu espaço e garantindo que elas estejam em conformidade com as normas regulamentadoras.

Seja qual for o tipo de estabelecimento, a segurança deve ser sempre priorizada. A clareza e visibilidade das sinalizações são essenciais para garantir uma evacuação rápida e ordenada em caso de incêndio.

Qual a NR para sinalização?

A sinalização de combate a incêndio no Brasil é regida por normas específicas para garantir que as edificações estejam adequadas e seguras em situações de emergência. A padronização dessas sinalizações é crucial para que todos possam compreender rapidamente os sinais e orientações em um momento de crise.

NBR 16820:2020

A eficácia na segurança de edificações é intensificada pela sinalização de emergência conforme a NBR 16820:2020. Esta norma é instrumental na orientação clara e rápida dos ocupantes para rotas de fuga e equipamentos de segurança, assegurando uma evacuação eficiente em situações de emergência.

Norma 13.434

Nesse contexto, destaca-se a Norma Brasileira nº 13.434, estabelecida em 2004, que foi desenvolvida com o intuito de unificar as formas, dimensões e cores das sinalizações de segurança contra incêndios e situações de pânico. Esta norma especifica os símbolos a serem utilizados nas edificações para garantir que as indicações sejam claramente entendidas por todos. Até o ano de 2020.

Norma 13.425

Juntamente com ela, a Norma Brasileira nº 13.425 também estabelece diretrizes importantes para a sinalização de segurança, complementando o conjunto de regulamentações que visam proteger vidas e patrimônios. Até o ano de 2020.

NR 23

Além das normas já citadas, é imprescindível mencionar a NR 23 – Proteção Contra Incêndios. Esta Norma Regulamentadora estabelece as diretrizes básicas para a proteção contra incêndios em estabelecimentos. Ela determina as medidas necessárias para a prevenção e combate a incêndios, assegurando a segurança dos trabalhadores.

A NR 23 é fundamental para a definição de procedimentos de segurança e para a própria sinalização, pois dita como os equipamentos de combate a incêndio devem estar dispostos e identificados.

Ambas as normas e a NR 23 têm um papel fundamental na definição de padrões e critérios que contribuem para uma resposta eficaz em situações emergenciais, garantindo que a sinalização de combate a incêndio seja não apenas visível, mas também compreensível e de fácil interpretação.

Quais são as sinalização prevista na NR 23?

A sinalização de combate a incêndio é uma ferramenta vital na prevenção e resposta eficaz a situações de emergência. Garantir que as saídas, aberturas, vias de passagem, escadas e posições de extintores sejam claramente identificadas é fundamental para a segurança dos ocupantes de qualquer edificação.

A NR 23 estabelece critérios específicos para a sinalização, e compreender e atender a essas orientações é crucial para qualquer estabelecimento que deseja garantir um ambiente seguro.

Tipo de SinalizaçãoDescrição
SaídasDevem ser claramente sinalizadas, de preferência com placas luminosas, indicando a direção da saída em situações de emergência.
AberturasEstas também devem ser destacadas, garantindo que sejam facilmente localizáveis, mesmo em condições adversas, como fumaça.
Vias de PassagemSua sinalização é crucial para garantir um fluxo rápido e organizado de pessoas durante uma evacuação.
EscadasPrecisam ser assinaladas para facilitar a locomoção segura dos ocupantes, especialmente durante situações de pânico.
Posicionamento de ExtintoresCada extintor deve ser claramente marcado e fácil de acessar. Sinalizações luminosas ou placas indicativas são recomendadas.

É importante ressaltar que além da sinalização de combate a incêndio mencionada acima, outros elementos, como alarmes sonoros e sistemas de comunicação, complementam a estratégia de segurança de um local.

A constante revisão e manutenção destas sinalizações garantem que, em caso de emergência, os ocupantes tenham a orientação necessária para se manterem seguros. Lembre-se: uma sinalização clara e visível não só atende às regulamentações, mas também salva vidas.

Conclusão

A sinalização de combate a incêndio é um elemento vital para garantir a segurança em edificações, sejam elas comerciais, industriais ou residenciais. A padronização, visibilidade e clareza dessas sinalizações são fundamentais para oferecer respostas rápidas e eficazes em momentos de emergência. Para isso, é essencial contar com empresas comprometidas e certificadas que sigam rigorosamente as normas estabelecidas.

Neste cenário, a Forthlux Comunicação Visual se destaca. Somos certificados pela ABNT para produzir Sinalização de Prevenção e Combate a Incêndio em total conformidade com as norma da ABNT. Oferecemos qualidade, compromisso e expertise na produção de sinalizações que realmente fazem a diferença em momentos críticos.

FAÇA UM ORÇAMENTO conosco e conte com nosso apoio total em todas as etapas do processo. Estamos aqui para garantir a sua segurança e a de todos que compartilham seus espaços.

4.7/5 - (6 votes)
Marcos Moreira
Marcos Moreira
CEO da Web Marketing, agência especialista em SEO e Tráfego Pago. Possui mais de 10 anos de experiência em marketing digital e é criador de conteúdo para a área de desenvolvimento Web, SEO e Tráfego Pago.

3 Comentários

  1. […] manutenção de caixa d’água e de elevadores, sinalização de escadas, sistema de emergência e proteção contra incêndio, são outros fatores que costumam trazer sérios problemas judiciais, quando não são bem […]

  2. A norma NBR 13434 EXPIROU!
    FOI SUBSTITUÍDA PELA NBR 16820:2020, PORTANTO HÁ 3 ANOS!!!
    FAVOR RETIFICAR O ARTIGO. OBRIGADO.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *